domingo, 27 de novembro de 2016

Falta de provas deixa inscritos fora de concurso da Secretaria de educação para professores temporários, dizem inscritos


Inscritos em um processo seletivo para contratação de professores em caráter temporário da Secretaria de Educação do Espírito Santo (Sedu) foram impedidos de começar a avaliação no horário marcado porque não havia provas para todos, segundo candidatos. O caso aconteceu neste domingo (27), na escola Zumbi dos Palmares, na Serra. Às 16h40, candidata informou que as provas haviam chegado, mas não informou se a avaliação ainda seria aplicada.

De acordo com o edital, a prova estava marcada para este domingo (27), com início às 14h (horário de Brasília). Entretanto, uma candidata, que preferiu não se identificar, disse que vários inscritos foram surpreendidos ao chegar ao local de prova. “Não há provas suficientes para todos os candidatos. Às 14h15, a coordenadora da Escola de Serviço Público do Espírito Santo (Esesp), que aplica a prova, informou que as provas estavam vindo de Vitória. Haja vista que o horário mínimo para saída de sala é às 15h para todos, estamos prejudicados”, disse.

O caso aconteceu na escola Zumbi dos Palmares, na Serra. Segundo uma outra candidata, a lista de inscritos do site da Sedu está diferente da lista de inscritos da escola. “A lista que está aqui na escola tem menos inscritos que a lista da Sedu. Começou a chegar muito candidato, e não tinha prova para todos. O nome deles não estava nessa lista”, explicou. Ela reforçou, ainda, que todos os candidatos que ficaram sem provas estão devidamente inscritos, portando as fichas de inscrição. “Estamos com a ficha de inscrição. Na lista divulgada no site da Sedu tem os nossos nomes, o número da sala onde faríamos a prova, tudo”, disse.
Fonte: http://g1.globo.com/espirito-santo


0 comentários:

Postar um comentário